The Sundering

Vandalismo e Repressão

ou "Como BG começa a ir para o ralo"

O Conselho de Duques, encabeçado por Silvershield promulga uma lei que diz que “(…) todos os cidadãos de Baldur’s Gate deverão se vestir de forma apropriada (…)”, ou seja, apenas os cidadãos mais ricos poderiam usar as roupas mais coloridas e as jóias mais caras. Isso não afeta diretamente os aventureiros, então isso fica renegado a uma nota de rodapé.
Ao andar pelas ruas eles percebem uma onda de vandalismo que se mostra clara com pichações como “Acabem com os patriarcas!”, ou “Abaixo o Flaming Fist!”.
Para tentar acabar com o vandalismo, Ravengard despacha seus soldados para lidar com a população, mas os homens da lei se aproveitam para achacar os moradores da cidade. Garret fala algo discretamente com um halfling que lidera uma patrulha e ele passa a defender os civis, como que por mágica. Isso deixa Goldor e “Rato” sem entender, mas eles não se aprofundam no assunto por confiarem no amigo.

Comments

mpedroso mpedroso

I'm sorry, but we no longer support this web browser. Please upgrade your browser or install Chrome or Firefox to enjoy the full functionality of this site.